domingo, 14 de julho de 2013

Uma simples frase...

Ontem aqui em Juiz de Fora foi dia da Corrida da Fogueira. É um corrida super tradicional e está na sua 66ª edição. O percurso é de 7,3 km e é feito numa das principais avenidas da cidade.
Além do marido e das amigas de grampo, dessa vez o Matheus, meu primo que mora em BH, também participou do evento!
Mas pra mim, essa não foi uma corrida qualquer. Já explico:
Durante o percurso, várias pessoas estavam assistindo os corredores passarem pela avenida. E enquanto eu passava, no meu trote lento e suado, ouço um rapaz falando de mim: "A onde essa gorda pensa que vai?!".
Olhei na direção desse moço e o vi virando para o amigo dele e rindo do meu tamanho, enquanto apontava pra mim.
Não havia outra pessoa gorda por perto, e por isso tenho praticamente certeza de que o rapaz falava de mim. 
De qualquer forma, sendo pra mim ou não, abracei aquela frase como motivadora. Pela minha cabeça passou um filme. Um filme que ainda não teve final, mas que será feliz com certeza. Um filme de uma luta diária de uma obesa que teve a grandeza de assumir a sua pequenez diante dessa doença e que até hoje eliminou 47 quilos com a ajuda da Gastroplastia. 
Eu já estava terminando o segundo quilômetro da corrida e aquele era meu momento de parar e andar um pouco, até ganhar fôlego para voltar a correr. Mas a frase ficou ecoando na minha cabeça e eu não consegui parar. Respirei fundo e corri por mais 1 quilômetro sem parar (Pra vc que não corre, pode parecer pouco, mas pra mim é muito!)! No total, bati meu recorde, correndo 3km (cerca de 23 minutos) consecutivos. Foi uma grande vitória pra mim! Mesmo! 
Conviver com a obesidade por anos, me deixou calejada com essas situações e não abaixei a cabeça. Claro que não é uma situação confortável e obviamente não gostaria de passar por isso novamente, mas consigo superar! 
Essa corrida pra mim teve sensação de superação mesmo. Com relação ao ano passado, melhorei 12 minutos meu tempo. Ano passado fiz em 68 minutos e esse ano completei a prova em 56! Fiquei muito feliz! 

Que venha a Corrida da Fogueira de 2014!


Amigas de Grampo: Roberta e Mônica
(Sim! Eu corri de maria chiquinha!)

Agora eu consigo: Puxar a perna direita com a mão direita!
Antes eu puxava  a perna direita com a mão esquerda! :)
Valeu até uma foto!

Marido e primo


4 comentários:

  1. Tão chato passar por esse tipo de situação Carol, quando isso acontecia comigo eu ficava dias sem sair de casa, ficava triste, complexado, enfraquecido, e desmotivado até pra viver...veio a cirurgia, a mudança de vida, de hábitos, e muitos que me criticaram vieram me dar o parabéns e hoje querem saber o segredo da minha determinação, eu respondo: pedras no caminho? eu junto todas porque estou construindo meu castelo=superação!
    Eu sei que vc é guerreira, continue assim, torcendo por ti...
    Aguardo sua visita no meu Blog e Vlog onde conto tudo sobre minha Cirurgia Bariátrica (Gastroplastia ou Redução de Estômago).
    |Blog| http://isaclourenco.blogspot.com.br/
    |Vlog| http://www.youtube.com/100observacoes
    |Facebook| http://www.facebook.com/isacairescirurgiabariatrica
    |Twitter| https://twitter.com/IsacAires_
    |Instagram| http://instagram.com/isacaires
    |Foursquare| https://pt.foursquare.com/isacaires_
    |Email| isacaires@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. Educação vem de casa, coisa que o sujeito que lhe dirigiu as palavras não tem, com certeza. Ele também deve ser cego, pois gorda você não está.

    ResponderExcluir
  3. Olá amiga, realmente não podemos deixar essas pequenas coisas nos derrubarem, até pq sabemos o que passamos. Parabéns pela melhora do tempo. Minha cirurgia é amanhã. Bjos

    ResponderExcluir
  4. Parabéns Carol, correr 3 km tem q ter preparo, senão já era nos primeiros 100 mts, vc se superou e isso dá msm este gostinho de vitória. Eu não consigo correr nem 100 mts afff...
    Parabéns msm!!!

    ResponderExcluir