quinta-feira, 31 de maio de 2012

Isso é Plus Size?

Modelo Luana Paula Rocha - Miss Plus Size
Navegando pelo G1, li uma reportagem sobre uma modelo que ganhou o prêmio Miss Plus Size ( modelo de tamanhos maiores). O texto conta um pouco da história da Luana Paula Rocha, e sobre como ele começou nessa carreira de modelo. (Pra ler a reportagem completa, clique aqui.)
Lá no meio do texto, tem a seguinte frase:
"Desde então, choveu convites para a universitária que veste o tamanho 46 em seus 82 kg e 1,77 m participar de campanhas publicitárias e eventos de moda."

Peraí! Modelo Plus Size que veste 46?
Fui calcular o IMC (índice de massa corporal) dela e vi que é 26,2, isso é, ela tá acima do peso, mas bem pouco. (o IMC ideal varia de 18 a 25!).

Tudo bem que as modelos comuns, digamos assim, são magérrimas e vestem 36, mas daí classificar uma modelo com um pouco de sobrepeso como modelo Plus Size é brincadeira, não é não?
Gorda sou eu! Tamanho 52, 109 quilos e 1,65 m.

Conclusão: fico pensando que meu objetivo é vestir 46 ou 44. Já ficaria bem feliz. Vendo essa matéria, vi que meu objetivo é... continuar gorda?! Não mesmo!

Fala sério!


Revisão dos 3 meses

Eu brinco que eu sou igual carro: de tanto em tanto tempo, tem que fazer uma revisão. Já fiz a visita de 1 mês e essa semana foi a vez de fazer a revisão dos 3 meses.
Fiz uma bagatela de exames de sangue para levar para o Dr. Ivan Borges. Tava bem apreensiva com relação a esse exame. Será que ia dar tudo bem?


Assim que recebi o resultado já fui olhando (afinal, de médico e louco, todo mundo ACHA que tem um pouco). Não achei nada de anormal, a princípio. Fui ao médico a noite e lá ele confirmou: está tudo bem comigo. Colesterol e glicose abaixaram! Sensacional! Níveis de proteína, cálcio, tudo ok!
Mais uma etapa vencida! Que venha a revisão dos 6 meses!

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Descoberta do dia!

Acabo de tomar banho e sabe o que eu descobri?
Que a minha toalha de banho já me enrola...
antes ficava aquela fenda aberta enorme, sabe?

Ai ai...
Boa noite!

domingo, 27 de maio de 2012

Vergonha! MUITA vergonha!

Eu tenho levantado a bandeira da obediência constantemente: o que o médico manda, eu faço! Mas a gente desliza as vezes, neh?
Já postei aqui que quando estava em Recife, me sabotei, e comi um pedaço de bolo. Era doce e eu não poderia comer. Recaí de novo! E da pior forma possível.
Episódio vergonhoso vivido por mim essa semana:
Estava numa padaria aqui em minha cidade. Numa mesa tinha aquelas degustações, sabe? Um bolo picado pra gente poder experimentar... Na verdade era rocambole de goiabada! Passei a primeira vez pela mesa e não peguei, e na volta, acabei pegando um pedaço (ia escrever "pedacinho" pra diminuir minha culpa, mas não vou!). 
Dei uma mordida e quando virei, quem estava na minha frente?! A Dra. Emmanuelle, minha nutróloga! Fiquei tão sem graça, mas tão se graça, que mal a cumprimentei. 
Mas resolvi voltar e cumprimenta-la direito. Ela viu que eu estava mastigando alguma coisa e viu que tinha alguma coisa na minha mão.
Eu tentei esconder, fechando a mão (sim! igual criança de 5 anos!), mas ela fez questão de ver o que tinha ali. Fiquei com muita vergonha. Nem consegui conversar direito com ela. 
Minha vontade? Cavar um buraco e me esconder por ali!



Que coisa feia, né gente?! Eu não posso comer doce, mas caio em tentação às vezes. É muito ruim! Mas ao mesmo tempo me vejo como uma guerreira que tem tentado constantemente seguir as regras.
Coloco adoçante em chás, sucos e café, não como chocolates, bombons e nem bolos, não tomo sorvete...

Chato, neh?!
Tomara que ela acredite em mim quando eu disser, na próxima consulta, que eu estou seguindo a dieta!

sábado, 26 de maio de 2012

Não é que é verdade?!

Li o seguinte artigo na Folha OnLine:


Segundo um estudo feito por uma empresa de alimentos dietéticos britânica, a principal motivação para as mulheres começarem um regime são suas fotografias.
Cerca de 42% das mil mulheres questionadas na pesquisa admitiu que ver uma imagem que a desagradava as levou a uma mudança de hábitos.
Segundo as entrevistadas, o resultado foi uma perda de peso de em média seis quilos.
"Uma fotografia pode ser como um raio que cai do céu - muitas vezes as pessoas ficam surpresas de como elas poderiam ter deixado as coisas ficarem tão ruins", afirmou um porta voz da empresa ao "Daily Mail".

Faz muito sentido! Pelo menos pra mim...
Em dezembro fomos padrinhos de casamento da Regina, tia do meu marido Ricardo. Eu estava com um vestido mto bonito, maquiagem bem feita, cabelo feito, sapato novo, e.... gorda! Muito gorda! Extremamente gorda.
Quando eu vi as fotos do casamento, eu não gostei de nenhuma. Em todas meu rosto tava mto redondo, ou o vestido estava marcando muito a minha barriga, enfim... nada bem.
Eu já estava com a consulta marcada no Dr. Ivan (seria no dia 5 de janeiro), e vendo essas fotos, tive mais certeza de que realmente precisava de ajuda!
Vejam se eu estou exagerando:






Essas fotos com certeza tiveram sua parcela de "culpa" na minha decisão pela cirurgia! E eu posto elas como forma de agradecimento! Viva!

quinta-feira, 24 de maio de 2012

3 meses!

Comemorando hoje 3 meses de cirurgia! Feliz da vida! Menos 18 quilos.

Uma imagem vale mais que mil palavras, então taí:

Cintura, pescoço, roupas antigas: sejam bem vindos!

terça-feira, 22 de maio de 2012

A cirurgia mexeu mesmo comigo!

A cirurgia mexeu mesmo com a minha cabeça. Hoje fiz a seguinte postagem no meu facebook:


"Com certeza vc tem um amigo obeso! 4 em cada 10 pessoas sofrem de obesidade no Brasil. Eu conhecia a cirurgia bariátrica, mas "achava" coisas demais. Achava que era um procedimento invasivo e que "tudo que é pra sempre", deve ser evitado. Mito! A cirurgia está longe de ser algo simples, mas não é um bicho de sete cabeças...

Muitos chegam pra mim com diversas dúvidas... medos do pós operatório, querem saber como são as cicatrizes, insegurança com relação a muita coisa!

No meu blog eu conto um pouco sobre a minha experiência com a cirurgia bariátrica. Lá também se encontram links de vários outros blog´s e sites que tratam do assunto.

Será que todos têm conhecimento REAL sobre a gastroplastia? Divulgado esse link, vc tem a chance de desmistificar esse procedimento e mostrar que existe sim solução para esse "monstro" chamado obesidade.

Não estou dizendo que a redução de estômago é a solução para todos os obesos e nem que é a única solução, mas pode ser uma grande aliada para alguns!

Com certeza vc tem um amigo obeso, e com certeza ele não é 100% feliz. Termino com uma frase clichê, mas cheia de sentido: Se vc concorda, compartilhe!"

Pode soar como apelo, mas é o que eu sinto e penso. Queria que todos tivessem acesso à informações sobre a cirurgia. Acho que se eu tivesse tido acesso, teria operado antes. Enfim... fiz minha parte!

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Primeiro desafio

Muita gente me pergunta quanto eu quero pesar. Não sei. Não sei mesmo. Não tenho ideia de como eu ficaria com 80 kgs ou com 70 ou 65... Nunca me vi com esses pesos! Fica bem difícil.
Mas acontece que eu fico meio perdida! O fato de eu não saber quanto pesar às vezes me deixa sem saber direito onde chegar. Eu sei que quero emagrecer, mas não até quando.
Então vou lançar desafios pra mim mesma e compartilhar com vcs!

O meu primeiro desafio é caber nessa roupa que está apertada em mim. Dá uma olhada:





















Sim, tá ridículo. Não, não é uma jiboia escondida embaixo da minha blusa. :D

Piadas à parte, essa blusa é antiga! Sempre usei e ela ficava larguinha! Essa calça é nova! Minha mãe me deu, mas ela ainda está bem apertada.

Será que em 1 mês eu consigo usar essa roupa para sair?!



Será que um mês é um prazo razoável? Não sei! Mas vou tentar! Torçam por mim!


Magra Emergente

Acabo de conhecer um site chamado "Magra Emergente". Muito legal!
O site é super esclarecedor e tem informações de todos os tipos, desde o pré operatório até as cirurgias reparadoras. Vale a pena conhecer!

Cheguei neste site através de um vídeo (postado abaixo). Nele a dona do site, a Tiane, dá seu depoimento e diz como a cirurgia mudou sua vida. As imagens mostram também um grupo, liderado pelo Dr. Roberto Frota Pessoa, que se reúne todo mês no Rio de Janeiro. Essas reuniões contam com operados e candidatos a cirurgia. Alguns dão seu depoimento, mostram fotos e calças antigas. Para aqueles que querem mais informações técnicas o Dr. Roberto da uma aula sobre os procedimentos.

A parte do vídeo que eu mais gostei? Quando uma moça, aos 5:40, fala da roupa que ela usava pra paquerar, e a roupa que ela usa atualmente... Sensacional!

video


Para conhecer o site da Magra Emergente, clique aqui!

domingo, 20 de maio de 2012

Comemoração

Nesse fim de semana comemorei uma grande conquista profissional e nada melhor que sair com o marido para celebrarmos juntos. Como faltava apenas 3 dias para completar 3 meses de cirurgia, resolvi tomar refrigerante (uma das regras da cirurgia é ficar 3 meses sem tomar refrigerante e bebidas gasosas).
Falando sinceramente e sem papas na língua, faziam 3 meses que eu não arrotava!!! hehehe Sabe aquela sensação que só um copo de água com gás é capaz de te trazer?! Pois é... ontem ela esteve de volta!
No jantar tomei um pouco de coca zero. Um pouco mesmo, porque iria jantar e não queria atrapalhar a refeição. Mas depois do jantar, fomos a um baile, e durante esse baile tomei água tônica.
Não pretendo mesmo voltar com o refrigerante para a minha rotina, tanto é que comprei gatorade e Mate Leão aqui pra casa normalmente, mas as vezes uma bebida gasosa faz falta! 
Acho que to feliz não é só porque eu posso tomar refrigerante, mas é sensação de mais uma etapa cumprida! E eu consegui! Fui obediente e não tomei bebidas gasosas por 3 meses! Sou uma vitoriosa!
Da mesma forma pretendo cumprir o que diz respeito aos doces: 6 meses sem! Final de agosto eu faço a festa! hahaha

O que são 6 meses sem doce pra quem enfrentou um centro cirúrgico, uma anestesia geral e 15 dias de dieta líquida?!

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Dia de treino!

Hoje foi dia do grupo de corrida. Lá estávamos eu e o Ricardo firmes e fortes! Mas e o frio? Nossa! Não consegui tirar o casaco... Chegou no final e nenhuma gotinhazinha de suor escorrendo. Sensação de não ter feito nenhum esforço. A vantagem é que estava quentinha... mas só!

Meu treinamento está sendo o seguinte: corro 100 m e depois caminho 200 m. Fico fazendo isso por 45 minutos. Eu falo corrida, mas na verdade eu troto. Trotar é quando vc corre num ritmo bem leve, bem devagar. Faz os movimentos da corrida, mas sem a velocidade da corrida. Com isso, o tempo que gasto pra trotar 100 m é quase o mesmo para caminhar 100 m. Acaba que 1/3 do tempo do treino eu corro, isso é, 15 minutos, isso é 1,5 quilometros. Isso aí! Já estou correndo 1,5 km! Não são consecutivos, mas são 1,5 km! Palmas para mim!

Mas se não fosse minha cia que arrumei hoje, eu não teria conseguido! Como ela foi importante hoje pra eu completar o treino! Valeu!

O peso? Já se foram praticamente 18 quilos, mas to com uma pulga atrás da orelha. Minha calça nova está alargando (ela tava bem justa no começo) e não cheguei a perder nem 1 quilo... perdi só algumas gramas, o que eu julgo muito pouco para o tanto que a calça cedeu! Será que são os músculos surgindo nas minhas pernas, coxas, braços?! Tomara! Poque eu to correndo não é só porque eu quero emagrecer... eu quero ficar gostosa! :D

domingo, 13 de maio de 2012

Mais uma corrida

O fim de semana foi cheio de corridas!

Começamos no sábado com a corrida infantil. Meu sobrinho de 7 anos, o Pedro, participou e não decepcionou! Acredita que ele ficou em 1º lugar nos 100 m masculino?! Muito orgulho. Uma amiga fez uma piada: Imagina ele daqui uns 10 anos, dando uma entrevista no Globo Esporte: "Eu comecei a correr aos 7 anos, por incentivo da minha tia" hahahaha

Pedro campeão!
Já hoje, domingo, foi dia da corrida adulta. 2ª corrida rústica da UFJF. O percurso totalizou 5,8 quilômetros e foi muito bacana.
Dessa vez já tínhamos mais intimidade com os procedimentos e não pagamos tanto mico. Na corrida passada (8km da Suprema) nos deram uma informação errada e acabamos não pegando o chip. Com o chip, nosso tempo é medido pela organização do evento para podermos entrar no ranking das corridas. É bom porque vc pode comparar o seu tempo ao longo das corridas.

O bacana também é que agora estamos (eu, Ricardo e minha irmã Mariana) começando a participar de um grupo de corrida: o Gema Team Runner*. A equipe que lidera o grupo é formada por 3 professores, um nutricionista e um fisioterapeuta.  Eles preparam treinos adequados a sua realidade e te acompanham. Quem tiver interesse em participar, o grupo é aberto e não custa caro. Vale a pena! É super motivador. Os encontros são às segundas e quartas, as 19h30 e aos sábados 8h, no Campus da UFJF.
O grupo montou uma barraca no local do evento e podemos encontrar o pessoal ao final da corrida. 

Nessa corrida também, contei com a presença de alguns amigos do trabalho! Acho que indiretamente to contaminando as pessoas... 
Pessoal do CAEd marcando presença na corrida!

Mas vamos ao resultado, neh?!
De um total de 477 mulheres, em 456º lugar, com o tempo de 56:48.2: Carolina Ferreira Rodrigues! Eu!
Deixei pra trás 21 pessoas! Não fiquei em último! Uhuuul!!!

Agora é treinar pra próxima corrida.
Fico feliz só de completar essas provas... sei que tenho que emagrecer bastante ainda para melhorar meu tempo, mas isso vem aos poucos. Nada de ansiedade! Vou fazendo minha parte e isso vai aparecer com certeza!


Estômago novo, vida nova MESMO!

*Para saberem mais informações sobre o grupo, entre no site ou na página deles no Facebook.



Eu e Ricardo, ao final da corrida


Mariana, Ricardo e Eu

Irmã e eu.

terça-feira, 8 de maio de 2012

Motivação

Segue um vídeo muito bacana! Ele responde a pergunta: "Por que vc corre?".

Ás véspera de mais uma corrida, que eu obviamente irei caminhando, dá uma motivação a mais!
As imagens só me fazem querer ainda mais correr. 
Vale a pena assistir!


domingo, 6 de maio de 2012

Cada dia menos gorda!

Essa semana, mexendo nas minhas caixas de roupas que já me serviram um dia, eu vejo uma calça minha. Falei com o Ricardo "essa calça eu guardo por orgulho! Um dia eu ainda vou voltar a vestir ela..."
Resolvi vesti-la para ver como ela já estava... sem pretensões! Para a miiiinha alegria, ela serviu! Ficou ótima! Super justa! Achei o máximo!


Há uns 20 dias atrás minha mãe me trouxe umas calças de São João Nepomuceno, mas elas não estavam servindo. Depois que a calça velha serviu, eu tomei coragem e sai experimentando tudo quanto é calça! E essa nova serviu também!
Agora ando com calças justas por aí... feliz da vida!


Aí ao lado está um antes e depois. A calça do fundo é a mesma... já deu pra diminuir 2 manequins! :D