domingo, 5 de fevereiro de 2012

Pense Magro

Como sugestão do psicólogo, estou lendo o livro Pense Magro, de Judith Beck. 

Está sendo bacana ler ele. Vivemos rodeados de pensamentos sabotadores (essa palavra a algumas semanas não era tão frequente no meu vocabulário) e eles não são bons. É preciso transforma-los em pensamentos produtivos. A tarefa não é fácil, mas o desafio parece ser muito válido.

O segundo capítulo do livro começa assim:



"Você já teve a sensação de comer automaticamente, como se comer estivesse, de algum modo, fora de seu controle consciente? Muitas das pessoas com as quais trabalhei, às vezes, sentiam-se assim.
A boa notícia é que comer não consiste em uma ação automática. Processos automáticos são involuntários, como por exemplo, os batimentos cardíacos ou o processo digestivo. Você não decide deixar seu coração bater nem interromper o processo da digestão. Entretanto, você decide comer.
Aqui está outra boa notícia: você pode aprender a ter mais controle sobre suas decisões alimentares."

A comida está sob meu controle. Preciso me apegar a isso.


*Obs: o livro soa meio "auto-ajuda", e eu não curto muito. Mas preciso, de alguma forma, mudar minha forma de pensar. Quem sabe a solução não é esse livro?!

2 comentários:

  1. legal carol! Achei interessante esse livro.
    Eu, diferente de vc :), gosto desse tipo de livro, eles nos fazem pensar em nos! O lance é que a gente ta senpre rodeado de bobagens na tv, outdors nas ruas, piadas baseadas em estereotipos e um monte de "valores" pré-determinados e de afirmações que as pessoas repetem sem saber o pq.... e ai, depois de um tempo eu percebi que preciso tb ter fontes de coisas boas! Escutar e ler coisa produtivas e positivas! Que me dizem va em frente, se dê valor, que eu sou importante, que eu devo lutar pelo que eu quero msm que nao seja o q todo mundo quer... que eu sou livre e eu devo posso decidir como vai ser minha vida daqui pra frente! é por isso leio livros desse tipo e escuto reggae! A gente é influenciado o tempo todo por tudo, entao uns anos pra ca eu decidi ser influenciada por coisas positivas.... ;) se é que vc me entende
    cris

    ResponderExcluir
  2. eu te entendo, Cris... eu te entendo!!! :D

    ResponderExcluir